26.8 C
Teresina

Organizadores de eventos privados fazem manifestação contra decreto estadual em Teresina

Deve ler

Interpi lança biblioteca virtual com registros fundiários históricos nesta sexta (5)

Será realizado, nesta sexta-feira (05), no Auditório do Núcleo de Práticas Jurídicas da Universidade Federal do Piauí (UFPI), o lançamento da Biblioteca Virtual de...

Vacina contra Covid-19 em Teresina: veja quem pode ser vacinado hoje e o que fazer

A Prefeitura de Teresina começou a vacinação contra a Covid-19 no dia 19 de janeiro de 2021 e vem ampliando o público-alvo conforme chegam novas...

Casos de dengue têm aumento de quase 50% em relação a 2020 no Piauí

O Piauí já registrou 2.654 casos de dengue em 2021. O número é 44% maior que os casos registrados no mesmo período do ano...

Wellington Dias apresentará Edital PRO Verde na COP26

O governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias, participará da 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP26), que...

Empresários e profissionais que organizam festas privadas bloquearam o trânsito da Avenida Frei Serafim, no Centro de Teresina, na manhã desta quarta-feira (24). Os trabalhadores protestaram contra as medidas impostas pelo decreto estadual, que proibiu todos eventos, e exigem ser equiparados aos restaurantes, para que possam voltar a funcionar.

O protesto começou na ponte Juscelino Kubitschek. Os trabalhadores ocuparam com seus veículos as vias da ponte no sentido Leste-Centro e pararam. Em seguida, o protesto avançou até o cruzamento das avenidas Frei Serafim e Miguel Rosa. O grupo seguiu pela avenida até o Palácio do Karnak, sede do governo estadual. O protesto causou trânsito lento na região.

Membros do setor de pequenos eventos fazem manifestação contra decreto estadual em Teresina — Foto: TV Clube

Membros do setor de pequenos eventos fazem manifestação contra decreto estadual em Teresina — Foto: TV Clube

os profissionais exigem ser equiparados aos restaurantes, para que possam voltar a funcionar. Fradique Accioly, um empresário do setor, disse que os eventos privados são organizados para públicos pequenos e controlados, o que, segundo ele, representaria um risco de contaminação igual ou menor ao risco presente nos restaurantes, que tiveram permissão para continuar operando.

“São eventos em que as famílias se reúnem para celebrar um casamento, colação de grau, aniversários infantis, de 15 anos, e o número de convidados é diminuto. Outro diferencial é que os convidados são rotativos: se alguma pessoa sai do evento, não entra outra no lugar, como acontece nos restaurantes”, argumentou.

Organizadores de eventos privados fazem protesto em Teresina

Organizadores de eventos privados fazem protesto em Teresina

Ainda segundo Accioly, há cerca de 500 empresários no setor em Teresina, e que os eventos geram renda para vários tipos de profissionais, como fotógrafos, filmmakers, donos de espaços, decoradores e confeiteiros.

“As remarcações têm sido constantes, e agora os cancelamentos. Isso tem feito com que nossos profissionais cheguem, literalmente, sem exagero, a passar fome”, disse.

Membros do setor de pequenos eventos fazem manifestação contra decreto estadual em Teresina — Foto: TV Clube

Membros do setor de pequenos eventos fazem manifestação contra decreto estadual em Teresina — Foto: TV Clube

Novo decreto

O novo decreto estadual, com medidas para tentar conter o agravamento da pandemia da Covid-19 no Piauí, foi publicado na noite de terça-feira (24). As determinações seguirão em vigor até o dia 4 de março. O G1 fez um resumo com todas as determinações do novo decreto estadual.

Novo decreto estipulou toque de recolher no Piauí — Foto: Adelmo Paixão/G1

Novo decreto estipulou toque de recolher no Piauí — Foto: Adelmo Paixão/G1

Atividades não consideradas essenciais ficarão suspensas no fim de semana, a partir de 24h da sexta-feira, dia 26 de fevereiro, até às 5h da segunda-feira, 1º de março, todas as atividades econômicas e sociais, com exceção dos serviços considerados essenciais:

Veja abaixo a lista de serviços proibidos. O setor de pequenos eventos está especificado no ponto destacado da lista.

  • O decreto instituiu que fica vedada circulação de pessoas em espaços e vias públicas, ou em espaços e vias privadas equiparadas a vias públicas, entre as 23h e as 5h.
  • Bares, restaurantes, trailers, lanchonetes, barracas de praia, lojas de conveniência e depósitos de bebidas só poderão funcionar até às 22h (é permitida utilização de som mecânico, instrumental ou apresentação de músico, desde que não gere aglomeração);
  • Nos estabelecimentos citados acima está vedada a promoção/realização de festas, eventos, confraternizações, dança ou qualquer atividade que gere aglomeração, seja no estacionamento ou no entorno;
  • O comércio em geral poderá funcionar até às 17h e os shoppings centers das 12 às 21h (o funcionamento ficará suspenso no fim de semana para serviços não considerados essenciais, veja detalhes abaixo);
  • A permanência em espaços públicos abertos de uso coletivo, como parques, praças, praias e outros, só é permitida com a obediência aos protocolos sanitários, como uso de máscara, e do toque de recolher;
  • Proibida a realização de festas ou eventos em ambientes abertos ou fechados, promovidos por entes públicos ou pela iniciativa privada, do dia 22 de fevereiro a 4 de março;
  • Suspensas as atividades que envolvam aglomeração, como eventos culturais, atividades esportivas e sociais, funcionamento de boates, casas de shows e qualquer tipo de estabelecimento que promova atividade festiva em espaço público ou privado, e em ambiente fechado ou aberto, com ou sem venda de ingresso.

Fonte: G1 Piauí

Mais Notícias

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor insira o seu nome aqui

Últimas notícias

Interpi lança biblioteca virtual com registros fundiários históricos nesta sexta (5)

Será realizado, nesta sexta-feira (05), no Auditório do Núcleo de Práticas Jurídicas da Universidade Federal do Piauí (UFPI), o lançamento da Biblioteca Virtual de...

Vacina contra Covid-19 em Teresina: veja quem pode ser vacinado hoje e o que fazer

A Prefeitura de Teresina começou a vacinação contra a Covid-19 no dia 19 de janeiro de 2021 e vem ampliando o público-alvo conforme chegam novas...

Casos de dengue têm aumento de quase 50% em relação a 2020 no Piauí

O Piauí já registrou 2.654 casos de dengue em 2021. O número é 44% maior que os casos registrados no mesmo período do ano...

Wellington Dias apresentará Edital PRO Verde na COP26

O governador do Piauí e presidente do Consórcio Nordeste, Wellington Dias, participará da 26ª Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP26), que...

Motoristas do transporte alternativo intermunicipal do Piauí fazem protesto no Palácio do Karnak

Um grupo de motoristas que fazem transporte alternativo de passageiros entre cidades do Piauí, o chamado transporte alternativo municipal, iniciou um protesto em frente...